VENTOS NÔMADES

VENTOS NÔMADES
MANUELA MARQUES TCHOE
102 PÁGINAS
PENDRAGON


SINOPSE
Quantas vezes numa viagem nos permitimos ver a vida com outros olhos?
Em Ventos Nômades você encontrará dez contos que cruzam continentes, exploram o choque de culturas e novos horizontes além das fronteiras tupiniquins.
Você largará tudo em busca do sentido da vida com Guilherme até chegar ao mais antigo templo do sudeste asiático. Com uma americana à beira da morte, receberá um sopro de vida na ilha grega de Creta. E se embrenhará junto com dois amigos nos segredos judaicos de Praga.
Ventos Nômades é um convite a viajar pelo mundo.




Já disse algumas vezes no blog que não sou muito fã de contos, mas depois de ler diversas resenhas sobre Ventos Nômades me senti interessada em conhecer o que esse livro poderia me trazer.

Pois bem, ventos nômades reúne 11 contos de fazer o coração apertar, em pouco mais de cem páginas a autora consegue te fazer conhecer diversos lugares, e despertar sua vontade de viajar para conhecer o mundo.

Um dos meus contos favoritos foi sobre a Ilha de Creta, simplesmente me emocionei muito com todo o detalhe, a história, e não consegui segurar minhas lágrimas chegando ao seu fim. É uma história de amor, amor de marido, amor de filhos, amor de mulher, amor próprio.

Ventos nômades é aquele livro que você pode pegar pra reler sempre que tiver vontade de viajar sabe? Você mergulha nas páginas, sente fluir a leitura e esquece do lugar onde se encontra.

Outro conto que também amei, foi como um jovem deixou sua cidade natal em busca de conhecimento, e sentiu tanta falta dele, acho que esse foi um dos contos que me fizeram ver que nem tudo são rosas, que quando a saudade bate, bate forte.

Ventos nômades é uma leitura bem fluida, que desperta no leitor os sentimentos de aventura, a vontade de sair pra conhecer esse mundão em que vivemos e não conhecemos nem 1% de toda sua extensão, é um livro que inspira, e te faz pensar em tudo que você já fez, e ainda vai fazer.

Você também pode gostar

0 comentários